Participantes


01- Nídia Vargas Potsch - 02- Itana Goulart - 03- Roze Alves - 04- Ruben Alves Vieira - 05- Sol Lua© 06- Joe'A - 07- Clara da Costa - 08- EduQue - 09- Luiza Porto - 10- Anna Peralva

 

 

 

Primavera!
Nídia Vargas Potsch


Flores, cores, brilhos surpreendentes
De maneira suave, única, repleta de magia,
Uma vez mais, Primavera é só alegria.


O Amor ressurge na melodia da existência.
Acalentam desejos, sonhos a se partilhar
Á flor da pele, explodem corações de prazer.


Cio da Terra, expectativa, pujança!
Corações adormecidos, manifestam-se.


@Mensageir@
Rio, 02/09/2009





Primavera!
Itana Goulart


Eis que ela chega com colorido
Deixando no ar um misto de aromas
Rosas, Miosótis, Jasmins,Verbenas...


Como uma noiva preparando-se para brilhar
Aos olhos encantam, mostram-se lindas e serenas.
Flores...Quando as recebemos nos fazem sonhar...


Estação dos enamorados.
Alegria dos corações sofridos.


PerfumedeMulher™


Publicado no Recanto das Letras em 06/09/2009
Código do texto: T1795961





Primavera!
Roze Alves

De que devo vestir meu corpo,
tão desnudo está pela solidão?
Tive muitas vestes, que tal flores?


Corpo desnudo, vazio, alma gelada
Tristeza corrói lenta, pouco a pouco.
Primavera, com flores, sinto-me enfeitada.


Raiz, fortalecimento, certeza!
Estar só, apenas opção?

Amanhecer-M





Primavera
Ruben Alves Vieira


No despertar do dia,
os raios do sol
surgiram atrás das montanhas
clareando numa aurora brilhante
apresentando a beleza
de um jardim florido
onde se sobressaiam rosas
brancas,
vermelhas,
amarelas.
Rosas que antes
estavam fechadas
para abrir somente
em um dia
dia este
em que as árvores,
cobriam seus ramos de branco.
E os pássaros voavam,
cantavam
e embelezavam o dia.
As borboletas
coloriam o colorido das flores.
E o beija-flor
namorava as pétalas coloridas...
Na beleza do dia,
a harmonia de sua vida,
pois seu coração,
sempre esta despertando
com o raiar da primavera...





Primavera
Sol Lua©


Os pássaros cantando
anunciam a primavera.
As flores desabrochando
enfeitam um novo dia.
O jardim florido
nos mostra qual bela
é a natureza,
neste dia em que
as árvores seguem
o ritmo do vento.
O beija-flor namora
as pétalas coloridas,
e a vida se completa
neste dia de primavera





Primavera... Estação primeira
Joe'A


Lá vem a primavera, tão bela! Realização de todas estações.
Das estações que semearam, das estações que cultivaram.
Das estações que colherão uma festa de flores.
Em todas as formas e cores, alegrando todos corações.
Perfumando todos os sonhos. Enchendo as almas de esperança.
Adocicando a vida. Polinizando os campos numa sinfonia de harmonia.
Nos corais que entoam a perpetuação. No perfeccionismo da Natureza.
Na busca da perfeita beleza, nos jardins floridos desabrocha
a validação do empenho de cada Estação. Ofertório nos tabernáculos,
para satisfação da Criação, por uma plena frutificação.
Dos frutos cultivados com amor.






Primavera
Clara da Costa

Primavera chegando!
Que estação maravilhosa!
Sentimos um perfume de amor
no ar,
inundado de fragrâncias
coloridas.
Jardins e parques floridos,
encantando
o coração das pessoas,
trazendo esperanças de dias
cheios de
paz,
amor
novas alegrias.






Estação das Flores
EduQue


Já sentem-se no ar o desabrochar
da predisposição para sensuais favores.
A procura de alguém de quem roubar
um beijo em buquê de lindas cores.

Sentem-se já os perfumes e olores,
dos suores, dos suspiros, dos amores
que todos experimentamos sem temores,
é vez do sorriso, é estação das flores.

Languidez ansiosa, arrepios e desejos...
Nos jardins, ventos e brisas fazem arpejos
nas delicadas pétalas que já se mostram,
qual castas donzelas que desabrocham.

Tudo é magia, ilusão, esperança, sedução,
Vai poeta! Prepara logo o teu coração,
abre peito e braços para nova paixão.
Esquece no inverno a tua fria solidão.

09-09-09





Primavera!
Luiza Porto


Sigo encantada...
sem pressa, nova estação
chegou a primavera.

Uma brisa suave
por entre canteiros floridos
gramados verdejantes
sou semente.

Pássaros alegres
procuram gravetos secos
que restaram do inverno
novos ninhos...novas vidas.

Atravesso pontes, germinando
tal qual arvore frondosa
sou outonal
a resplandecer nessa primavera.






Nove Estação
Anna Peralva



Enfim Setembro chegou
e uma nova manhã anuncia
que a natureza é mais bela.
Calam-se outonos e invernias,
no alvorecer dum céu azul anil
florescem campos de alquimias.
Um botão de rosa ansioso
aguarda a entrada da primavera,
quer abrir-se em tom gracioso
compondo o jardim aquarela!


 

 

 

Imagem jpg
Wav: Paula Fernandes - Dust  in the wind

 

 

 

 

Voltar