Estimada Nídia
 
Um pouquinho antes das 18 horas - Hora do Angelus - chega nossa Mana Primavera.
Em seus braços Etéreos, vem trazer-te flores 1000 para te enfeitar as janelas da Alma...
E, com seu personalíssimo Aroma, te arregimentar o Espírito...
Esta Primavera que te conhece desde que nasceste...
E que te trouxe, desde então - como presente de aniversário - o abraço doce e materno da Mãe-Natureza.
(Da Mãe-Natureza que se renova pelas Mãos e Sabedoria de Deus. Pelo Amor d'Ele e por Ele, Nídia!)
Minha nova e fraterna irmã de Caminhada e de Poesia...
O que te Deseja meu coração - que sempre há de ser este menino desajeitado, teimoso e apaixonado?
QUE SEJAS FELIZ - hoje e sempre!!
Com os que te rodeiam e, quando a sós, contigo mesma!!
Que o Grande-Pai te dê Saúde, Amor, Alegria, Prosperidade!!
E que tenhas, minha irmã - sempre! - uma palavrinha de Conforto e de Esperança para cada um de nós!
E que assim seja!!
E assim há de ser - com as Bênçãos de Jesus e de Maria!!
 Com estas palavras de Paz e Bem, te digo:
 
PARABÉNS, NÍDIA, POR MAIS UM ANIVERSÁRIO!!!
 
UM BRINDE À VIDA!!!
 
Com meu abraço franciscano - sempre!
 
J.J. Oliveira Gonçalves/JJotaPoet@
 
Porto Alegre, 22 de Setembro/2013. 15h
(Esperando a Primavera... E olhando o Inverno que vai repousar no Poente...)
 
 
 
 
 
 
 
Arte e Formatação:
AugustaBS
 
 
VOLTAR