ODE ! À NIDIA VARGAS POTSCH !

 

Adriano Augusto da Costa Filho

 

 

 

N I D I A , seu nome é magistral,

Das estepes cariocas sensacional.

Brasileira como um sonho

Que neste poema eu exponho !

 

 

Filha concebida dos Vargas e Potsch,

Traz no cerne um sonho natural.

Brasileira ela é de nascimento

Carioca por certo um portento !

 

 

Nos estudos mostrou o seu talento,

E para todos familiares é um alento.

As Artes são o seu conhecimento,

Na Poesia e na luta é o seu direito !

 

 

Viajando pelo mundo muitas vezes,

Em seus sonhos nunca teve revezes.

Faz do mundo um doce portal

No Brasil,na poesia magistral !

 

 

Sofre muito com a injustiça,

Que no mundo outrém lhe atiça.

Emana de seu ser muita tristeza

Porque o bem é a sua natureza !

 

 

 

Nidia, rainha do bem querer,

Faz parte indelével de seu ser.

Transmite o amor eternamente,

Porque faz parte de sua mente !

 

 

 

Nasceu para amar a humanidade,

Suas palavras a todos persuade.

Seu coração tem laços de ternura

Condizente com a sua formosura !

 

 

Mostrou seu gosto à liberdade,

A sua paixão na retidão apura.

Consigo não há qualquer desventura

É a rainha do amor e da ternura ! ! !

 

 

 

 

ADRIANO AUGUSTO DA COSTA FILHO

Casa do Poeta - Lampião de Gás -  de São Paulo

Movimento Poético Nacional

Academia Poços-Caldenses de Letras- MG

Academia Ipuense de Letras do Ceará.

Ordem Nacional dos Escritores do Brasil

Associação Portuguesa de Poetas/Lisboa/Portugal