- Nídia Vargas

Só tu para me tirar do meu retiro, manuska!
Beijo meu, Rivkah






Jogo no Mundo
Nídia Vargas Potsch




Sonhos de infância
que na lembrança ficaram
me fazem amar ... reviver ... acordar ...
o que há de melhor em mim.
Carrego o doce fardo de ser Menina-Mulher
audaz, valente, contestadora ...
Embelezo os sonhos de outrem
através de meus " rabiscos" e poemas de amor,
para a magia renascer em todo seu esplendor,
Despertar a Criança, arrancar dos Homens, a dor.
E, os jogo no Mundo com prazer e destemor ...





Nídia, manuska!
Já dizia Helmut..
"Quem quiser alcançar um objetivo distante
tem que dar muitos passos curtos" e era isso
que estava fazendo, mas vi-me com a urgência
de buscar em meus guardados, jóias por mim cuidadas.
Passei por 2.009, 2.008, 2.007 e em 2.006, no mes
de maio te vejo retratada!
Menina-Mulher, sonhadora, mas que sabe o que quer!

Que este Ano te seja de muitas Alegrias,
te seja Doce, de Amor, amiga minha!

Beijo meu, Rivkah

 

 

 

Voltar