Choro da Alma

Nídia Vargas Potsch
( indriso )
 
 
Vai além de meros acontecimentos
No vazio, na dor, chora compungida
Sedutoras, lágrimas de alegria e amor...
 
E na silente trajetória desse chorar
Alma segue à espera do dia clarear
Na esperança de ter doce aconchego.
 
No recondito do ser, lacrimejante, tece sonhos.
Aplacar as lágrimas, luz que se faz... Vida!
 
@Mensageir@
Rio, 28/02/2012

 

 

 

 
 
 
 
 
Créditos:
 
 
 

Tutorial: Nan Hoelzle

 
 
 
Tubes; Corinne.Vicaire, Anna.br e  Nan Hoelzle
 
Arte e Formatação : Vanda Gigo
 
 
 
 
 

 

VOLTAR