DE ENCONTRO À FELICIDADE!
Nídia Vargas Potsch
 
 
Voando, correndo,
caminhando ou apenas andando,
depressa, devagar,
tanto faz...
Contanto que seja
 em direção à Felicidade...
 
 
E cada qual 
com a sua ansiedade...
 Seus sonhos,
 desejos,
 ilusões de felicidade
que nos embalam
num terno ou angustiante viver...
 
 
Pulemos degrau por degrau,
os degraus da Existência...
E de dois em dois,
partamos ágeis, fortes,
sem olharmos para trás...
À procura do que
realmente nos importa,
a plena Felicidade
que tem seu porto
e guarida
em nossos corações.
 
 
DE ENCONTRO À ESPERANÇA...
          
(José Ernesto Ferraresso)

 
Vagamos sem rumo,
sem destino certo,
sossegados, pensativos,
divagamos em ilusões,
preocupados, e solitários,
vamos ao encontro da esperança...
 
Cada ser humano
procura ser feliz, encontrar
palavras sábias, ensinamentos,
através de livros de autoajuda,
desejos secretos, mistérios
para desvendar e poder sobreviver.
 
Vivemos à procura de soluções,
e raras vezes  não as encontramos,
e entramos na solidão.
Há de nosso lado uma mão, uma alavanca,
que nos auxilia e jamais nos deixa
cair na tentação.
A esperança é ter prazer,
alegrar-se e preencher a vida.
Faz-nos ver que a felicidade está
presente e só nos falta explorá-la,
para vivermos na  paz.