Eu Quisera...
Humberto Rodrigues Neto



... ao teu lado um dia estar
num suavíssimo lugar
de azul-céu e azul-amor,
onde fosse franco o riso
e não mais fosse preciso
chorar de mágoa ou de dor.

... ir embora pra onde fores,
a uma casinha com flores
e sabiás cantando nela...
... ver os brilhos espontâneos
dos teus olhos nos gerânios
debruçados na janela!

... ir a um lugar onde agora
a felicidade mora
entre os encantos mais tersos,
onde do mar, os fraguedos,
franjam de espuma os rochedos
pra ler os teus e os meus versos!

... na rede aquietar os músculos,
mirar mágicos crepúsculos,
da noite abrindo os lençóis...
... ver neles pairando a lua
que acompanhada, flutua,
de mil pequeninos sóis!

Nesse local aprazível
não creio seja impossível
juntar nossos ais dispersos...
Ali, com ânsia e emoção,
sorrirá o teu coração
na rima dos nossos versos!







Eu Quisera...
Nídia Vargas Potsch



Quisera ser tantas coisas...Tantas!
Tantas quantas
não tive a oportunidade de ser
Tantas coisas desejava fazer...

Levar aconchego, carinho,
dar as mãos, poetar juntinho...
Sonhar os mesmos sonhos,
desejar dias floridos,
ouvir belos trinados,
cantos desengonçados,
imitando os passarinhos.
Lindos e gratos sorrisos
trocados com você a meu lado.
E o amanhecer sempre vindo...

Ao menos, uma brilhante luz
na escuridão, talvez
eu consiga... fazer acontecer...




@Mensageir@
Rio, 2010

 

 

Arte e Formatação:

 

 

 

 

Voltar