Dedicado a você
Maria Luiza Bonini



Nesta angustiante tarde, pálida e silenciosa
Em que sinto o frio a prenunciar o inverno
Revivo e me aqueço na mensagem preciosa
Que torna a surpreender com teu gesto terno

É de minh' alma o mais doce refrigério

É a tua música chegando...

É assim que vou seguindo...

É assim...



SP. 18 de junho de 2010



 


Dedicação
Nídia Vargas Potsch



Nossa canção soando terna aos meus ouvidos
Lembranças deliciosas acalentando-me nesse inverno
Sua mensagem de carinho chegando de surpresa ...


Evidências do nosso amor em cada gesto, doce acolhida.
Ah! Querido meu, como é bom aconchegar-me,
Sentir-me totalmente protegida em seus abraços ...


Coração, trilha de emoções, de muitos segredos ..
Carícias sem precedentes na liberdade de amar!





@Mensageir@
Rio, 18/06/2010