Alguns braços apenas,
mas firme ao chão,
ao que me sustenta.
 
Diante do mundo,
              sou pequena,
               mal tenho sombra,
mas tenho um desejo profundo de ser imensa,
claro que em ralação ao meu atual tamanho.
 
Quem me destrói, não raciocina, não pensa
                    que precisaria de mim e muito
como filtro, como sombra, como lenha,
mas preciso chegar ao tamanho adulto..
 
Hoje sou um broto, um ramo pequeno,
        e peço um prazo ao mundo!.
Logo, logo tenho mais braços,
e verão que valho à pena.
rivkahcohen
...*...
 
Hoje, comecei a germinar
pensando em acertar
dar sombra, conforto e agasalho
aos que padecem
aos que precisam ...
Se conseguir chegar a idade adulta
poderei dar lenha pro fogo
aquecer corações,
madeira pras construções,
abrigar ninhos de diferentes pássaros ...
Quando eu crescer
podem comer meus frutos suculentos
beber chá de minhas folhas ou raizes.
Estarei então completa
para poder servir a todos
sem distinções,
sem discussões,
sem discriminações
como deve ser...
Nídia Vargas Potsch
 Rio, 6/01/09

 

 

Voltar