"O amor só é amor, se não se dobra a obstáculos e não se curva à vicissitudes...
É uma marca eterna... que sofre tempestades sem nunca se abalar."
                                                               Shakespeare
 
 


 
 
 
  Sob a Chuva, Como Seria?
                   Nídia Vargas Potsch

 
Como seria... ?
Estar contigo
Meu tesouro neste momento
Sob um acinzentado firmamento
Cheio de escuras e densas nuvens?
Uma forte brisa soprando
Meus cabelos e os teus embaralhados
Com os primeiros pingos da chuva a cair.
 
Como seria... ?
Me deixar apertar em teus braços,
Me acolher em teus ternos abraços,
Olhar fundo em teus olhos marcantes
Que me entorpecem de alegria e prazer
Cada vez que me imagino estar contigo.
 
Como seria... ?
Alcançar teu coração
Adoçar-me com teu sorriso
Usufruir do teu carinho especial.
 
Como seria... ?
Agasalhar-te
 Com doces e molhados beijos de amor
Cada vez mais intensos, molhados
Exprimindo ternas e loucas emoções
Sem nos importarmos
Com o aguaceiro que cai?
 
Como seria... ?
 Trocar beijos cada vez mais ardentes
 Apaixonados, quentes e sedutores
Repletos de antigos sentimentos
Mas renovados por novas sensações?
 
Como seria... ?
 Aplacar esta doida saudade que vive em mim
Deixando lavar a tristeza
 Que explode em minh"alma
Carregando embora as mágoas
De uma vez por todas...
 
Como seria... ?
Apenas com as boas lembranças que ficaram
Andar sob a chuva de mãos dadas contigo
Olhos nos olhos e muitos sorrisos
Só de Amor, mais nada...
Me pergunto sempre:  - Como seria, hein?
 
 
        @Mensageir@         
  Carinhosamente, Nídia.
 
 
 
 
 
 
 
 
Crédito Tubes:
Tony Chavarria (TOCHA)
MTM
PIT
Imagem jpeg (net)
 
Wave: Chove lá Fora _ Jane Duboc
 
Edição e Arte final: Dea Maia