Da Série Poetrix
Nídia Vargas Potsch
 



De pernas pro ar

realidade expande
nua e crua
amor total.



O dilema

razão impõe
coração implora
pensamento fistigado.



Um novo caminhar

abrir portas
receber sim, não,
válidas opções.



Ser rica

carregar num abraço
auroras estelares
multiplicar dádivas...



Fênix

Reviver das cinzas
retornar pronto
lançar novas asas



Aquilo que nos foi dado viver

Intervalo de tempo
algoz traiçoeiro
redenção... traição...



Silencio

Som do nada
madrugada do pensar
constante busca...



Utopia

Sonho acalentado
poesia fertiliza
realidades



Plenitude

deixar acontecer
renascer
completa.



@Mensageir@

 

 

 

 

Arte e Formatação: M@SW

 

 

 

Voltar