O FASCINANTE UNIVERSO
DAS ARTES D'ALMA
 
Nídia Vargas Potsch

 

Cubismo


Cubismo é um movimento artístico que surgiu no século XX, nas artes plásticas, tendo como principais fundadores Pablo Picasso e Georges Braque e tendo se expandido para a literatura e a poesia pela influência de escritores como Guillaume Apollinaire, John dos Passos e Vladimir Maiakovski. O quadro "Les demoiselles d'Avignon", de Picasso, 1907 é conhecido como marco inicial do Cubismo. Nele ficam evidentes as referências à máscaras africanas, que inspiraram a fase inicial do cubismo.

O Cubismo tratava as formas da natureza por meio de figuras geométricas, representando as partes de um objeto no mesmo plano. A representação do mundo passava a não ter nenhum compromisso com a aparência real das coisas.

Historicamente o Cubismo originou-se na obra de Cézanne, pois para ele a pintura deveria tratar as formas da natureza como se fossem cones, esferas e cilindros. Entretanto, os cubistas foram mais longe do que Cézanne. Passaram a representar os objetos com todas as suas partes num mesmo plano. É como se eles estivessem abertos e apresentassem todos os seus lados no plano frontal em relação ao espectador. Na verdade, essa atitude de decompor os objetos não tinha nenhum compromisso de fidelidade com a aparência real das coisas. O pintor cubista tenta representar os objetos em três dimensões, numa superfície plana, sob formas geométricas, com o predomínio de linhas retas. Não representa, mas sugere a estrutura dos corpos ou objetos. Representa-os como se movimentassem em torno deles, vendo-os sob todos os ângulos visuais, por cima e por baixo, percebendo todos os planos e volumes.

 


Principais características:

Geometrização das formas e volumes;
Renúncia à perspectiva;
O claro-escuro perde sua função;
Representação do volume colorido sobre superfícies planas;
Sensação de pintura escultórica;
Cores austeras, do branco ao negro passando pelo cinza,
por um ocre apagado ou um castanho suave.  Cores fechadas.

 

Artistas Plásticos:

Paul Cézanne
Pablo Picasso
Georges Braque
Juan Gris
Kazimir Malevich
Lyonel Feininger
Fernand Léger
Umberto Boccioni
Robert Delaunay
Diego Rivera
Alexandra Nechita
Tarsila do Amaral
Vicente do Rego Monteiro


Os principais pintores cubistas foram:

 O espanhol Pablo Ruiz Picasso (1881-1973),
que criou obras como Guernica, Retrato de Ambroise Vollard e Natureza Morta,
 George Braque (1882-1963),
 Juan Gris (1887-1927)
 e Fernad Leger (1881-1955).

 

Escritores e poetas

Érico Veríssimo
John dos Passos
Guillaume Apollinaire
Blaise Cendrars
Jean Cocteau
Pierre Reverdy
Oswald de Andrade
Raul Bopp

 


Durante o desenvolvimento do cubismo há duas principais etapas, são elas:

1.Cubismo Analítico: caracterizado pela decomposição das figuras e formas em diversas partes geométricas, é o cubismo em sua forma mais pura e de mais difícil interpretação.

2.Cubismo Sintético: é a livre reconstituição da imagem do objeto decomposto, assim, este objeto não é desmontado em várias partes, mas sua fisionomia essencial é resumida. Algo muito importante nesta etapa é a introdução da técnica de colagem, que introduz no quadro elementos da vida cotidiana (telas, papéis e objetos variados), o primeiro a praticar esta técnica foi Braque.

 

 

Pablo Picasso

Pablo Picasso foi pintor, escultor e ceramista, compôs novas dimensões estéticas, renovando o gosto de tal modo que influenciou, no campo artístico, todas as camadas da população mundial deste século.

 

 

                                                                                                                                                 

Nasceu em Espanha, na cidade de Málaga, em Outubro de 1881, filho de um pintor e professor da Escola de Belas-Artes. A sua carreira iniciou-se muito cedo, mostrando ideias originais, apelidando-o de "Rei da Quinquilharia", por gostar de reconstruir objetos velhos, ou deitados fora.

 É costume dividir a sua obra em várias fases ou períodos: o período azul, em que pintou figuras de pobres, deserdados, misérias, em tons de azul; no período rosa encarou os homens com mais ternura e alegria - é o circo, os saltimbancos - retratados com um desenho elegante e flexível.

 

Fase Azul

 

                                                                

Fase Rosa

 

                                                              

 Depois vem a fase negra em que desenhou figuras geométricas - o cubismo. O seu quadro mais conhecido chama-se "Guernica". Foi pintado em 1937, inspirando-se na Guerra Civil Espanhola.

 

Guernica

 

                                                            

A fase verde é dominada pelas paisagens. O cubismo sintético foi um período em que usou colagens com pedaços de jornais, etiquetas, cartas de jogar...etc. Depois da Primeira Guerra Mundial (1914-1918) casou-se com a bailarina russa Olga Khoklova e com o muito dinheiro que ganhou com o seu trabalho comprou o Castelo de Boisgeloup, onde dispunha de várias e vastas oficinas, o que lhe permitiu dedicar-se também à escultura. Com 92 anos de idade, conhecido mundialmente, morreu em Abril de 1973.

 

 


Georges Braque


(Argenteuil, 13 de maio de 1882 ? Paris, 31 de agosto de 1963)

Foi um pintor e escultor francês, que fundou o cubismo juntamente com Pablo Picasso. As primeiras inspirações que fizeram de Georges se tornar um pintor, vieram quando trabalhava na empresa de seu pai que atuava no ramo de pinturas decorativas.
Após ter passado grande parte de sua adolescência na cidade de Le Havre, ele se mudou para Paris para se aperfeiçoar na arte, e lá participou de sua primeira exposição que aconteceu no ano de 1906 no Salão dos Independentes, suas obras naquele tempo eram mais voltadas para o fauvismo, utilizando cores puras e formas simples em seus quadros.

 

                                                         

 

Georges conheceu Picasso no ano de 1907 e tiveram uma grande amizade que durou até 1914, fundaram um movimento artístico denominado Cubismo, devido à Grande Guerra se afastaram, Georges foi ferido na cabeça durante a guerra e ficou longe da pintura por aproximadamente dois anos, quando voltou e se focalizou em pintar quadros de pinturas figurativas e natureza-morta, sempre dentro de uma formulasção cubista. Georges Braque criador do Cubismo influenciou Artistas Modernos.

 

 

                                                           * * *


Exemplo de Pintores Brasileiros no Cubismo:

 


Vicente do Rego Monteiro
(Recife, 19 de dezembro de 1899 ? Recife, 5 de junho de 1970)
foi um pintor, desenhista, escultor, professor e poeta brasileiro.

 

 

   

Tarsila do Amaral


(Capivari, 1 de setembro de 1886 ? São Paulo, 17 de janeiro de 1973)
 foi uma pintora e desenhista brasileira
e uma das figuras centrais da pintura brasileira
 e da primeira fase do movimento modernista brasileiro
 ao lado de Anita Malfatti.
 

 

 

 

 E na Literatura Brasileira

                                                                                              

Érico Lopes Veríssimo
 (Cruz Alta, 17 de dezembro de 1905 ? Porto Alegre, 28 de novembro de 1975)
foi um dos escritores brasileiros mais populares do século XX.
 Seus livros foram traduzidos para mais de 16 idiomas.

 

Algumas de suas Obras:
Fantoches,
Clarissa, 1933
Olhai os Lírios do Campo, 1938
Saga, 1940
O Tempo e o Vento, 1949 a 1962
Incidente em Antares, 1971
Além de literatura infantil, ensaios, narrativas de viagens, entre outros.

 

                                                 

 
 
Os Cubistas
Nídia Vargas Potsch
( indriso )
 
Com o predomínio de linhas retas
 Sugerem diferentes estruturas
Onde a natureza se mostra geometrizada.
 
Renunciando á perspectiva, criam
Novas sensações ao decompor os objetos
Representados num mesmo plano.
 
Novas dimensões estéticas criam surpresas...
 
Diferentes expectativas compõe o clima cubista.
 
@Mensageir@
Rio, 2014
 
  
 
Vídeos:
 
 
 
http://youtu.be/ZONg49dyZsg  Picasso e Braque explicam o Cubismo
 
http://youtu.be/mJpb1m0Vb8s  Picasso para crianças
 
http://youtu.be/F2-VbqaHhLM  Guernica  - falado
 
http://youtu.be/eNC92dP_RRc   O poder da Arte de Picasso  BBC - longo
 
 
 
 
 
Este é o  9º  Capítulo que lhes apresento
para o ano de 2014.
O Cubismo
Qualquer pergunta ou dúvida, por e-mail, ok?
Até lá e Obrigada, Nídia.
 
 
 
 
 
Créditos:

Texto e compilações: Nídia Vargas Potsch
Arte, Formatação : Mara Pontes
Indriso:  Nídia Vargas Potsch
 
 
Bibliografia: 

1) Apostilas do Colégio Pedro II
(Organizada pelas Profas. de Artes Visuais do Colégio, onde me incluo) 
2)  Arte Comentada - Carol Strickland, Ph. D
3) Para entender a Arte - Robert Cumming - Ed. Ática.
4) A Arte de ver a Arte - Susan Woodford - Círculo do Livro - Univ. de Cambridge
5) História  Geral da Arte  -   H. W. Janson
6) História da Pintura Ocidental - Juliet Hesle Wood
7) O Livro da Arte - Martins Fontes
8) O melhor do Museu Picasso - Paris - Ed.Ática
9) Mestre das Artes - Pablo Picasso - Ed. Moderna ( p/ Crianças )
10) Vida e Obra de Picasso - Nathaniel Harris - Ediouro
11) Picasso em uma só linha - Ediouro -  Introd.  Susan Grace Galassi

Fontes: 
Consultas e Fontes: Wkipédia. 
Imagens e textos Google
Videos - Youtube 
Música : L'amour l'amour - Andre Gagnon
 
 
 
 
 Pintura: Angel Esteves - Galícia - Espanha
 
 
Agradecimentos:

A todos que contribuíram
para que este trabalho se tornasse possível,
Às duas Amigas e Poetas
 Luli Coutinho, Marilda Conceição,
e às Webdesigner, Joice Guimarães e Mara Pontes
Meu profundo reconhecimento e carinho, Nídia.

 

 

 

 

 

Voltar