Pieter Bruegel, o Velho
( 1525  1569 )
 
 
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
 
Pintor, escultor, arquiteto e decorador de tapeçarias e vitrais flamengo nascido em 1525 em Breda, no Ducado de Brabant, Paises Baixos,  hoje uma província da Bélgica, que criou uma rica pintura narrativa, documentando costumes de época, tornando-se um  dos mais representativos pintores flamengos do período Cinquecento (1500-1599) do Renascimento.
 
Discípulo de Coecke Van Aelst, um importante artista de Antuérpia, foi o primeiro pintor de uma família de artistas flamengos. Pieter Bruegel, o Velho, e os mais jovens da família foram qualificados artistas. Pieter liderou a Bruegel dinastia familiar que incluía vários outros membros adicionais da família rica que produziu uma longa história de contribuições para a arte holandesa e que é ainda muito lembrado hoje muitos séculos depois.
 
Foi admitido como Mestre na Associação de Pintores de Antuérpia (1551) e viajou para Itália onde produziu uma série de pinturas de menos importância, a maioria de paisagens.
 
                       
 
                                                          
Os doze Provérbios
 
 
Em Roma, produziu a sua primeira obra assinada e datada, Cristo e os Apóstolos no Mar de Tiberíades (1553), e voltou para Antuérpia.
 
Cristo e os Apóstolos
no Mar das Tiberíades
 
 
 Nos anos seguintes continuou desenhando paisagens, especialmente alpinas, mas depois (1556) passou a dedicar-se a temas satíricos, didáticos e moralistas, influenciado por Hiëronymus Bosch.
 
 
                                  
                           Esqueitistas no gelo                           Magpie on the Gallows
 
 Mudou-se (1563) para Bruxelas onde casou com Mayken, filha do seu professor Van Aelst, que passou a ter mais influência na escolha de seus temas. Além da sua predileção por paisagens, pintou quadros que realçavam o absurdo na vulgaridade, expondo as fraquezas e loucuras humanas, que lhe trouxeram muita fama. Depois de casado, as suas personagens tornaram-se maiores e disformes e morreu no auge de sua produtividade, aos 44 anos de idade, em 1569  em Bruxelas, e foi sepultado na Igreja de Notre-Dame de la Chapelle, onde tinha se casado.
 
 
 
                                    
                                 Mad Meg                                                   Harvesters  Meal
 
 
Spring  Haymakers
 
 

* * *
 
Algumas Pinturas de Pieter Bruegel, o Velho:
 
 
Paisagem com a queda de Ícaro
 
 
Uma  Boda
 
 
 
Dança
 
 
 
Os Caçadores na neve
 
 
 
Pintura sobre um proverbio
 
 
Censo em  Belém
 
 
 
Casamento camponês
 
 
 
Jogos infantis
 
 
 
 
Torre de Babel
 
 
 
O triunfo da Morte
 
 
 
Queda dos anjos
 
 
 
Os ceifadores
 
 
A parábola do cego
 
 
A batalha entre o Carnaval e a Quaresma
 
 
 
 
Dia sombrio
 
 
 
 
 
Conclusão:
 
 
 
OBS.: Do ponto de vista artístico, o Renascimento foi um movimento cultural cuja principal característica foi o surgimento da ilusão de profundidade nas obras. Em termos gerais, por definição o Renascimento foi um movimento artístico, científico e literário que floresceu na Europa no período correspondente entre à Baixa Idade Média e o início da Idade Moderna, do século XIII ao XVI, com o berço na Itália e tendo em Florença e Roma como seus dois centros mais importantes. Sua principal característica foi o surgimento da ilusão de profundidade nas obras e, cronologicamente, pode ser dividido em quatro períodos: Duocento (1200-1299),
                                                          Trecento (1300-1399),
                                                          Quatrocento (1400-1499) e
                                                          Cinquecento (1500-1599)
 
 
 
Vídeos
( Para complementar o texto acima )
 
 
 
                      http://youtu.be/fTd7MNIBqfc        Piter Bruegel, o Velho    -  1ª Parte 
 
 
http://youtu.be/G6VjSeK1-QY                 Pieter Bruegel , o Velho   -   2ª Parte
 
 
http://youtu.be/z4jry-r47GA       Pieter Bruegel, o Velho   -     3ª parte
 
 
 
 
 
Qualquer pergunta ou dúvida, por e-mail, ok?
Obrigada, NVP.
 
 
 
 
 
Créditos:
Texto e compilações: Nídia Vargas Potsch
Arte, Formatação : Auber Fioravante Jr.

 

Bibliografia: 
1
) Apostilas do Colégio Pedro II 

 (Organizada pelas Profas. de Artes Visuais do Colégio, onde me incluo) 
2) História Mundial da Arte - O Renascimento - Bertrand Editora. Vol 3

3) Arte Comentada - Carol Strickland, Ph. D

4) Para entender a Arte - Robert Cumming - Ed. Ática.

 

Fontes: 
Consultas e Fontes: Wkipédia. 
Imagens e textos auxiliares do Google.
Videos - Youtube
 
 
 
 
Créditos
 
Misted Imagem: Banco de Dados Google
Texto & Arte
Auber Fioravante Júnior
Musica Wav
Renascentista

 

VOLTAR