FASCINANTE UNIVERSO DAS ARTES
Nídia Vargas Potsch
 
A ARTE GREGA
 
 
   Ao Falar dos Gregos, não poderíamos deixar de focalizar os Jogos Olímpicos, principalmente,
 porque em 2016 eles serão aqui no Brasil.

 
OS JOGOS OLÍMPICOS:
 
 
 
 
Os Jogos Olímpicos da Antiguidade eram um festival religioso e atlético da Grécia Antiga. Eram realizados de 4 em 4 anos em Olímpia, um santuário, em honra a Zeus, deus supremo na Mitologia Grega. O primeiro dos jogos, aconteceu em 776 aC. Como eram os mais importantes jogos pan-helênicos, manifestação de rituasis do paganismo, o Imperador cristâo Teodósio, os proibiu e, 393 aC.
O santuário de Zeus era feito de mármore cristalizado situado na região ocidental do Peloponeso, a cerca de 15 quilómetros do Mar Jônico, próximo da confluência dos rios Alfeus e Cladeos. Este santuário retira o seu nome ao Monte Olímpio, (que se situa longe do local, na Tessália, norte da Grécia), ponto mais elevado da Grécia continental e que era na Mitologia Grega a residência das divindades. O núcleo de Olímpia possuia um Bosque Sagrado.  No centro desse bosque existia um templo em estilo dórico dedicado a Zeus, que foi construído entre 468 e 456 a.C., em cujo interior se encontrava uma estátua colossal do deus da autoria de Fídias e que era considerada uma das Sete Maravilhas do Mundo antigo.
 
Não participavam dos jogos, os estrangeiros ( os bárbaros segundo a mentalidade grega ) escravos e mulheres. Conta-se o caso de uma mulher que,  vestida com roupas masculinas, disfarçou-se de treinador para entrar no ginásio e ver seu filho lutar. O filho venceu a prova e a mãe, comemorando a vitória, deixou cair seu disfarce. Descobriram que era mulher e, naturalmenmte, foi expulsa.
Os atletas eram de uma forma geral oriundos das classes mais favorecidas e tinham sido iniciados no desporto desde tenra idade. Não vinham apenas da Grécia continental, mas de todos os pontos do mundo grego que na Antiguidade, incluía as colónias espalhadas pelas costas do Mediterrâneo e do Mar Negro. Os vencedores eram alvo da homenagem da sua cidade: poderiam receber alimentação gratuita, terem estátuas erguidas em sua honra e serem cantados pelos Poetas.    
 
  
 
Pancrácio
 
A trégua sagrada:

No ano em que se celebrariam os jogos, Élide enviava por toda a Grécia arautos, que anunciavam a data concreta em que se desenrolariam os jogos e que convidavam os atletas e os espectadores a participar. Os arautos anunciavam também a trégua sagrada, que proibia a guerra durante o período dos jogos e que visava proteger os espectadores e atletas durante vinda, estadia e regresso.
 

Modalidades Existentes nos Jogos:
 
Corridas pedestres
Corridas equestres
Corrida de carroças
Luta
Pugilato
Pancrácio ( mescla de luta e pugiolato)
Pentatlo   
 
 
                                                                                    Discóbolo
 
   
Pancrácio   Corrida   Corrida
 
   
Arcos, símbolos dos Jogos Olímpicos Modernos:
 
 
 
Desde sua criação, há mais de 2.700 a.C, os Jogos Olímpicos assumiram um papel fundamental na vida dos gregos. Para se ter uma idéia, as competições eram capazes de interromper as guerras entre as cidades, num ritual conhecido por “trégua sagrada”. Posteriormente, após a tentativa do francês Barão de Coubertin em reviver o espírito das primeiras competições, os Jogos Olímpicos passaram a ser um evento globalizado e de grande importância em todo o mundo. Um exemplo disso é sua própria bandeira, que representa a união dos cinco continentes.
 
Quando foram celebrados os primeiros Jogos Olímpicos da Era Moderna, se pretendia apenas realizar um evento que reunisse algumas centenas de pessoas que praticavam o esporte como atividade de tempo. Mal sabia o Barão de Coubertin que a competição iria se transformar em um dos principais eventos culturais do planeta, ultrapassando, sem dúvida, os limites do esporte.
 
A notoriedade dos Jogos Olímpicos, criada tanto pelo seu caráter simbólico quanto pela sua dimensão material, fez com que o evento se transformasse em palco de diversas manifestações políticas ao longo do século XX. Alguns exemplos: Nas Olimpíadas de Berlim em 1936, Adolf Hitler se recusou a reconhecer as vitórias do atleta norte-americano negro Jesse Owens; nas Olimpíadas de Munique (1972), um atentado de um grupo terrorista palestino matou 11 atletas de Israel; os Estados Unidos se recusaram a participar dos Jogos de Moscou (1980), e a URSS, das Olimpíadas de Los Angeles (1984), em um claro contexto da Guerra Fria.
 
Os Jogos Olímpicos podem proporcionar um significativo avanço econômico para a cidade e o país-sede do evento. Embora o fato de se candidatar ao mega-evento exija uma série de responsabilidades, principalmente em relação à infra-estrutura das cidades-candidatas, os benefícios econômicos gerados pelos jogos são bem maiores do que os próprios investimentos para sua realização.
 
A projeção da cidade e do país-sede do evento é tamanha, que é capaz de provocar profundas e permanentes mudanças socioeconômicas positivas. A atração de turistas de diversas partes do mundo faz com que melhorias estruturais permanentes sejam feitas, como rede de transporte, moradia e instalações esportivas. Sem contar nos inúmeros novos postos de trabalho que são gerados direta ou indiretamente através do evento.
 
 
 
Todos os Jogos Olímpicos da Era Moderna
 
 
1896 - I Jogos Olímpicos - Atenas, Grécia
1900 - II Jogos Olímpicos - Paris, França
1904 - III Jogos Olímpicos - Saint Louis, Estados Unidos da América
1906 - Edição comemorativa - Atenas - Grécia
1908 - IV Jogos Olímpicos - Londres, Reino Unido
1912 - V Jogos Olímpicos - Estocolmo, Suécia
1916 - VI Jogos Olímpicos -Não houve em função da Primeira Guerra Mundial
1920 - VII Jogos Olímpicos - Antuérpia, Bélgica
1924 - VIII Jogos Olímpicos - Paris, França
1928 - IX Jogos Olímpicos - Amsterdã, Países Baixos (Holanda)
1932 - X Jogos Olímpicos - Los Angeles, Estados Unidos da América
1936 - XI Jogos Olímpicos - Berlim, Alemanha
1940 - XII Jogos Olímpicos - Não houve em função da Segunda Guerra Mundial
1944 - XIII Jogos Olímpicos - Não houve em função da Segunda Guerra Mundial
1948 - XIV Jogos Olímpicos - Londres, Reino Unido
1952 - XV Jogos Olímpicos - Helsinque, Finlândia
1956 - XVI Jogos Olímpicos - Melbourne, Austrália
1960 - XVII Jogos Olímpicos - Roma, Itália
1964 - XVIII Jogos Olímpicos - Tóquio, Japão
1968 - XIX Jogos Olímpicos - Cidade do México, México
1972 - XX Jogos Olímpicos - Munique, República Federal da Alemanha
1976 - XXI Jogos Olímpicos - Montreal, Canadá
1980 - XXII Jogos Olímpicos - Moscou , União Soviética
1984 - XXIII Jogos Olímpicos - Los Angeles, Estados Unidos da América
1988 - XXIV Jogos Olímpicos - Seul, Coréia do Sul
1992 - XXV Jogos Olímpicos - Barcelona, Espanha
1996 - XXVI Jogos Olímpicos - Atlanta, Estados Unidos da América
2000 - XXVII Jogos Olímpicos - Sydney, Austrália
2004 - XXVIII Jogos Olímpicos - Atenas, Grécia
2008 - XXIX Jogos Olímpicos - Pequim, China (saiba mais em Olimpíadas 2008)
2012 - XXX Jogos Olímpicos - Londres, Reino Unido
2016 - XXXI Jogos Olímpicos - Rio de Janeiro, Brasil
 
 
Alguns Designs dos Jogos Olímpicos:
 
     
 
 
     
 
     
 
     
 
   
 
  
 
   
 
 
Vídeo:
 
Olimpiadas na Grecia Antiga
 

 
Imagem: Retirada da net, sem autoria
Wav: Freddie Mercury & Montserrat Caballe - Barcelona
Pesquisa: Nídia Vargas Potsch
Arte e Formatação: JoiceGuimarães