Pinceladas sobre Arte

(4ª parte)


Como disse anteriormente na Pinceladas sobre Arte 3:

É bom sabermos pequenos detalhes sobre Arte
para entendermos melhor nossos Formatadores e Poetas.
NVPotsch



A Arte do Passado  X  A Arte Contemporânea
 


Olhando as imagens expostas num Museu ou Galeria de Arte é possível observar e enumerar "diferenças" existentes entre a Arte do Passado e a Arte Contemporânea.
A principal diferença é:
 


Na Arte do Passado

Há uma preocupação puramente estética de representar a beleza. (A perfeição e o ideal
de beleza greco-romano eram paradigmas da época).
Durante muitos séculos a arte procurou imitar a realidade.
O valor do artista estava então, na sua capacidade de imitar a natureza com perfeição.

 

Na Arte Contemporânea

Além da beleza expressa, há uma preocupação social constante.
Existe uma crítica social que está implícita nesta arte.
Ou seja, a Arte Contemporânea deve ser olhada e observada evidentemente, dentro do seu contexto histórico e principalmente com a mente e o coração "abertos para o novo".
Cada peça faz uma crítica social e o observador interpreta essa mensagem que o artista
desejou lhe passar.
 

Um exemplo:
Suponhamos a pintura de um ovo estrelado em cima de um prato com uma faca de cozinha enfiada na gema. O que representará? Qual seria a intenção do artista?

Vou deixar como um pequeno exercício de casa... Tenham um excelente dia reflexivo.
Pensem na resposta que muito provavelmente virá na próxima Pinceladas sobre Arte.


Observamos:


Pedi que pensassem num exemplo de Mensagem de Raciocínio e outro exemplo de como poderíamos expressar nossos Sentimentos através do trabalho plástico.

Muito bem, da seguinte maneira:

A Mensagem de raciocínio fica bem clara quando observamos os traços do artista em questão. As imagens, composta de traços, pontos, texturas etc., transmitem mensagens poderosas bem mais diretamente que as palavras. A grande maioria das pessoas consegue dizer o que quer ou a que veio, usando palavras, mas ao longo dos anos, as pessoas em todo o mundo, fizeram obras de arte, em vez de usar palavras. É a imagem conduzindo rapidamente a idéia que o artista desejou transmitir. Ex: A imagem do mar, ou de um deserto, pode muito bem representar a solidão d'alma. Já uma imagem de uma festa de S. João, Brincadeiras ou Jogos, Carnaval, a alegria e por aí vai...

 

     

                                           Mar - Solidão                                                      Pipa - Aracy  -  Alegria

 

Quanto à forma de Expressar os Sentimentos o artista usa e abusa das cores que psicologicamente indicam:

"Quase todos os artistas usam cores em seu trabalho. Aprendem como misturá-las para obter o efeito desejado."

Um exemplo bem fácil de se entender:

O vermelho, o laranja e o amarelo são considerados cores quentes porque nos fazem pensar em fogo, no sol, em sangue.

As cores quentes nos deixam felizes e excitados. Mas também podem nos sobressaltar. Reparem que em todo mundo, sinais que indicam perigo, são pintados em vermelho.

Já o azul e o verde são considerados como cores frias porque nos lembra água e sombra.
 

As cores frias podem fazer as pessoas sentirem-se calmas, pensativas ou tristes. São muito usadas relacionadas à saúde e higiene. Usadas em Hospitais ou como por exemplo, em embalagens de remédios".

Observação:

É por este motivo que é muito mais difícil para um escritor ou poeta expressar suas idéias, seu modo de ver o mundo ou transmitir conceitos somente através das palavras. Há os que conseguem evidentemente mas para uma grande maioria, não é tão fácil assim... Daí a parceria e o trabalho do formatador que vem completar com imagens, cores e música, complementando o lindo "PACOTE" que nos será apresentado.

O trabalho artístico fica então um conjunto agradável, belo e melhor compreendido quando agregado de sensibilidade, cada um com seu jeito de ser, cada qual com seu modo de se expressar unindo "forças" para se complementarem. E nós expectadores, surpresos e extasiados diante de tantas belezas!

 


(Pesquisa: Segredos da Arte, Como e porque se faz Arte - Elizabeth Newbery
Explicando a Arte - Jô Oliveira e Lucília Garcez
)



  

 

Tubes: Claudia Viza/Guismo/TReagen
Wav: Charlie Chaplin - Les Temps modernes
 

 

 

 

Voltar

 

 

Melhor Visualização: 1024 X 768

Webdesigner: JoiceGuimarães